sexta-feira, 18 de julho de 2008

VIAJAR POR MAPAS...



Andava eu a rastejar-me pelos arquivos da Torre do Tombo, Quando me deparei com certas relíquias do passado.
Esta, é uma delas.
Entre 1604 e 1616, era assim...




Hoje...

Conhecem?

13 comentários :

o escriba disse...

Ana Lagartinha

Mas que belo enigma este!!!
A imagem diz que é a ilha do Pessegueiro. Será a que tinha um pessegueiro na ilha, plantado por um vizir de Odemira? As coisas que as lagartinhas descobrem quando rastejam por entre os livros!!!


bjinhos
Esperança

lagartinha disse...

Olá Esperança
Não era bem um enigma, era mesmo para saber se conheciam...
O que existia e não sei se ainda existe, era em frente à Ilha, o Restaurante do Zé Manel, que fazia uma caldeirada de se lhe tirar o chapéu!
Um beijinho

Marcinha disse...

O enigma não descobri, só fikei com vontade da caldeirada do Zé Mané...rsrsrsrsrs - Linda semana pra vc!!!


bjus

chapa disse...

Ainda não tinha lá umas centenas de banhistas.

lagartinha disse...

Marcinha
E que caldeirada!
Boa semana também

lagartinha disse...

Chapa
No entanto, já tinha umas centenas de soldados...

Jorge P.G disse...

Se eu conheço? O quê?

As fotos, não, o local também não, o desenhador do 1º boneco ainda menos, mas gosto mais deste ! tem cores mai lindas e o mar em branco-sujo.
De resto, em 400 anos, parece que a ilha se manteve no mesmo sítio e que nem eram precisas fotografias aéreas para a localizar.

Um abraço, que já devo ter dito disparates a mais.

Gui disse...

Não se pode dizer que nesse tempo andavam longe da realidade, pois não?

lagartinha disse...

Jorge
Se não conhece, aconselho, que a água é limpinha, um pouco fria, mas mesmo assim...Agora, o que é bom mesmo, é a caldeirada e os percebes, que são enormes e são apanhados precisamente nas rochas à volta da ilha na maré baixa.
Obrigada por ter dado aqui um saltinho, que sei o quanto complicado deve ser neste momento.
Um abraço veeerde e triste que o meu SPORTING perdeu no jogo a feijões!

lagartinha disse...

gui
Pensei nisso precisamente quando vi o mapa.
Não deixo de pensar no que as gentes daqueles tempos fariam com os recursos de hoje...
Obrigada por ter passado por aqui. Assim que possa retribuo a visita com todo o gosto.

cova-do-urso disse...

Olá Lagartinha

Não conhecia e vai ser um dos meus próximos destinos.

Abraço

António Rosa

lagartinha disse...

António
Cheio de sorte!
Abraço

Sophiamar disse...

Então, Lagartinha não vais de férias com os filhotes?
No Pessegueiro , tásse bem!

Mas, se vieres para o Allgarve, diz qualquer coisa. Tá?

Beijinhos